Liga dos Blocos Tradicionais de Brasília chancela a decisão do Governador do Distrito
Federal de cancelar os eventos públicos e privados do carnaval de 2022, devido ao aumento
dos casos de Covid-19 na capital federal, entendendo que o momento é de cautela por causa da
variante Ômicron e do vírus Influenza H3N2.


Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, através do senhor secretario
Bartolomeu Rodrigues, ainda em 2021, sempre deixou claro que seria quase impossível a
realização da festa de magnitude do carnaval no Distrito Federal em 2022, devido aos números
da Covid-19.


Entretanto, a Liga defende, veementemente, assim que o controle sanitário estiver sanado, que
o carnaval seja realizado fora de época. A cadeia produtiva direta e indireta do carnaval
emprega milhares de profissionais a cada ano. Portanto, será muito difícil para toda essa
categoria ficar novamente sem a realização do maior evento de Brasília. Nos últimos anos,
antes da pandemia, o carnaval dos blocos tradicionais já levava mais de 1 milhão de pessoas
para as ruas do DF durante a folia.


É importantíssimo que o GDF apoie e destine recursos para socorrer o setor, que corre o risco
de ficar mais um ano parado. O carnaval movimenta agentes culturais como músicos,
oficineiros, passistas, intérpretes de Libras, trabalhadores na área de luz, som, segurança,
limpeza; movimenta diversos setores tais como: turismo, transporte, fantasias, alimentação e
de bebidas etc. A atividade carnavalesca já é há muito tempo uma realidade da economia do
Distrito Federal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.